topo
Ministérios
03/02/2012 15:16:52 - Atualizado em 03/02/2012 15:16:52
Ministério Discípulo Amado - Encontro 31
Roteiro do 31º Encontro do Grupo Discípulo Amado

Estamos terminando o mês de junho, dedicado ao Coração de Jesus. É claro que é sempre tempo de nos voltarmos para o Coração de nosso Mestre, especialmente nós, que queremos viver e crescer como discípulos. E não só como discípulos, mas como discípulos amados. Lembre-se que nossa inspiração é João, o apóstolo e evangelista, aquele que recostou sua cabeça no peito de Jesus. Ele ouviu de perto o pulsar do Coração do Mestre, intuiu sua divina intimidade, viveu a partir dela, escreveu o Evangelho a partir dela, subiu ao Monte Calvário por causa dela, recebeu Maria em sua casa por causa dela. Portanto, se queremos seguir de perto o Coração de Jesus, devemos entrar mais e mais na intimidade do Senhor, tornando-nos discípulos amados.

A experiência do discipulado é a realidade mais linda e plena na vida do cristão. Oxalá todos os cristãos compreendessem isso. Sinto-me humildemente privilegiado por ter compreendido isso em minha vida e por procurar viver essa realidade em meu dia-a-dia, mesmo ainda tão distante do ideal daquilo que eu deveria realmente ser. Mas sinto meu coração irremediavelmente atraído pelo Mestre. Quero ir sempre e mais ao encontro de seu Divino Coração e ali, no seu peito, deitar minha cabeça e encontrar descanso e força para as lutas da vida. Quero partilhar de sua intimidade aqui para poder experimentá-la plenamente nos céus. Deus me conceda, e a nós todos, essa graça. E que os anjos digam "Amém"! Servo, Pe. Sérgio, C.Ss.R.

"VÊS ALGUMA COISA?"

Depois da pausa que fizemos na semana passada, falando sobre o Coração de Jesus, retomamos o tema A INTERCESSÃO E O PROCESSO DE CURA. Estamos lendo Marcos 8, 22-26. O versículo que nos inspira nesse encontro é esse: "Jesus tomou o cego pela mão e levou-o para fora da aldeia. Pôs-lhe saliva nos olhos e, impondo-lhe as mãos, perguntou-lhe: 'Vês alguma coisa?'" (v. 23).

Certamente Jesus sabia se ele via alguma coisa ou não, mas era necessária a pergunta. O "ver" é sempre uma experiência subjetiva, depende de cada um como vê e o que vê. Alguém pode perceber muito bem o que se passa numa pessoa, mas se ela mesma não percebe, isso de nada adianta. Não é incomum, em uma terapia, o psicólogo ter clareza, num determinado ponto do processo, o que se passa com seu cliente, mas ele não pode adiantar o que percebe. É necessário que a pessoa faça o seu caminho até que perceba o que lhe acontece e como sair de uma situação que aprisiona e adoenta. A verdade nunca pode ser imposta; ela é uma descoberta. De repente os olhos se abrem e a pessoa tem clareza sobre o que está acontecendo. Quando isso acontece, a mudança começa a se tornar realidade.

Eu falei sobre o processo terapêutico aplicado à psicologia, mas isso se aplica também no processo de crescimento pessoal e espiritual. Santo Agostinho mesmo passou por essa experiência e um dia referiu-se à sua descoberta espiritual dizendo: "Tarde te amei, ó Beleza, tão antiga e tão nova" . Seus olhos se abriram e ele percebeu o quanto Deus sempre esteve tão presente em sua vida, mas seus olhos eram incapazes de enxergar.

Quando Jesus pergunta: "Vês alguma coisa?", Ele leva,terapeuticamente, aquele cego a voltar-se sobre a sua própria realidade e a dizer o que se passava com ele. Hoje, também, Jesus nos situa diante de nossa história e nos pergunta: O que você está vendo? O que você percebe de você mesmo e do que acontece perto de você?

É preciso despertar nossa consciência. É preciso estar atento aos nossos movimentos internos e também ao que acontece ao nosso redor. Pode ser que nossa visão não seja clara, como, aliás, não era a visão daquele homem, que já não pode ser mais chamado de cego. Nossa visão pode ainda não ser totalmente clara, mas já não somos cegos! Bendito seja Deus!

Leia em sua Bíblia: Lucas 6, 41-42

Conversem em Grupo:

* Sinto que os meus olhos já se abriram para alguma realidade que antes eu não enxergava?

* Sou paciente diante do processo de abertura do outro?

Vamos falar com Deus:

Deixe que caia profundamente em seu coração a pergunta de Jesus : "Vês alguma coisa?" Repita silenciosamente esta pergunta até que ela impregne sua mente e coração. Hoje colocaremos as mãos nos olhos, mas cada um irá orar por si mesmo, pedindo que seus olhos se abram.

Twitter Facebook Orkut Messenger
Linked Yahoo Meme Google Buzz Delicious
mySpace Blogger Sonico Digg

Este recurso será liberado em breve. Aguardando validação do servidor.

dados do(a) autor(a)
Padre Sérgio
 
twitter.com/padresergioluiz
facebook.com/falecompadresergio
padresergio.com
Pe. Sérgio é sacerdote Redentorista. Atualmente pároco em Juíz de Fora na Igreja da Glória. Procura guiar o seu ministério levando as pessoas a experimentarem a...
12 últimas atualizações
Contato

Paróquia da Glória
Avenida dos Andradas, 855 - Morro da Glória
CEP: 36036-050 - Juiz de Fora (MG)
Telefone: (032) 3215-1831
Siga-me nas redes sociais

Dados Técnicos

Este web site utiliza as tecnologias como HTM5 e CSS3 e é compatível com os seguintes navegadores:
Sistema web desenvolvido por:
Copyright © 2012 Todos os direitos reservados.