topo
Espaço Gente
04/02/2012 11:54:17 - Atualizado em 04/02/2012 11:54:17
Sobre o Verão e os Relacionamentos Virtuais

Certa vez um amigo comentou comigo que o calor tropical de nosso verão fazia-o sentir-se "expulso de casa", em busca de temperaturas mais agradáveis, de ambientes abertos. Desta forma, ocorre um aumento natural no consumo de bebidas geladas como cervejas, refrigerantes e sorvetes. Enfim, no verão saímos mais de casa, conhecemos mais pessoas, nos distraímos mais, dormimos menos. Entretanto, penso que seja também uma época que desfavorece o aprofundamento nas relações interpessoais.

É um tempo de relações mais superficiais, casuais. Quem nunca teve um amor de verão vivido em deliciosas férias de dezembro ou janeiro? Um romance ou alguns romances de carnaval vividos no verão de fevereiro e março? São relacionamentos que normalmente acontecem, mas que pouco se alicerçam. Poderia existir uma explicação até física para isto: a temperatura corporal. No verão, ficar perto, sentir o calor do outro, ao contrário do inverno, chega a ser muitas vezes insuportável. Naturalmente acabamos nos distanciando.

Desta mesma forma, podemos perceber a existência de pessoas que, seja qual for a estação, fogem do calor alheio, que não se sentem a vontade aprofundando-se no mundo do outro. São pessoas muitas vezes eficientes no estabelecimento de relações superficiais, como as relações de trabalho. Conseguem liderar pessoas, lidar com colegas e clientes de forma exemplar, mas que, ao chegarem em casa, sentem-se extremamente sós.

As alternativas encontradas por muitos para esta solidão são os relacionamentos virtuais, o que os mantém afastados de extremos estados depressivos. Nestes relacionamentos, o encontro pessoal com a imperfeição alheia é retardado, adiado ou eliminado. É um mundo de fantasias, onde eu, que vos escrevo, posso ser o Tom Cruise e vocês o que desejarem ser. Vivemos cada vez mais "relacionamentos de verão", passageiros, a distancia. Nos sentimos constantemente com medo de nos aproximarmos, nos mostrarmos, nos deixarmos envolver pelo calor e realidade do outro.

É importante deixar claro que os benefícios trazidos pelas novas tecnologias, possibilitando, por exemplo, o contato imediato com outras pessoas do outro lado do mundo, são imensos. Mas não podemos fechar os olhos para estas realidades que estão mais próximas de nós do que imaginamos, envolvendo até familiares nossos com dificuldades de estabelecer e se aprofundar relacionamentos interpessoais.

Mesmo difícil, tentemos nesta semana aprofundar um pouco mais nossas relações. Tente saber um pouco mais sobre a vida de colegas de trabalho, convide alguém para um almoço ou um café. Descubra riquezas até então inexploradas.

Twitter Facebook Orkut Messenger
Linked Yahoo Meme Google Buzz Delicious
mySpace Blogger Sonico Digg

Este recurso será liberado em breve. Aguardando validação do servidor.

dados do(a) autor(a)
Samir José
 
Não informado
Não informado
Não informado
Psicólogo
12 últimas atualizações
Contato

Paróquia da Glória
Avenida dos Andradas, 855 - Morro da Glória
CEP: 36036-050 - Juiz de Fora (MG)
Telefone: (032) 3215-1831
Siga-me nas redes sociais

Dados Técnicos

Este web site utiliza as tecnologias como HTM5 e CSS3 e é compatível com os seguintes navegadores:
Sistema web desenvolvido por:
Copyright © 2012 Todos os direitos reservados.