topo
Palavra do Pároco
10/10/2014 19:10:41 - Atualizado em 10/10/2014 19:10:41
Homens e mulheres com visão!
Quero relançar uma série de três reflexões que desenvolvi há alguns anos sobre “Homens e mulheres com visão” e que creio serem apropriadas para o final do ano, tempo de revisão e de planejamento, tanto na vida pessoal como na comunidade.

Quero relançar uma série de três reflexões que desenvolvi há alguns anos sobre “Homens e mulheres com visão” e que creio serem apropriadas para o final do ano, tempo de revisão e de planejamento, tanto na vida pessoal como na comunidade.

No livro dos Números, capítulo 13, versículo 1, ao capítulo 14, versículo 26, encontramos a passagem que fala dos doze príncipes das doze tribos de Israel enviados para explorar a terra de Canaã (Nm 13, 1 – 14, 26). As maravilhas encontradas e todo o potencial de crescimento daquela terra eram enormes, mas havia obstáculos, principalmente os povos que ali habitavam, entre eles gigantes (13, 27-29). Quando voltaram, começaram a depreciar a terra, com exceção de Josué e Caleb, que se mantiveram fiéis à visão que haviam recebido. Os dois foram os únicos que entraram, quarenta anos depois, em Canaã.

Uma das promessas de Deus é que nos daria visão (Joel 3, 1). Nem todos se abrem a ela, entendida aqui como o Plano que Deus tem para nossa vida pessoal e para sua Obra. Assim foi com o povo de Israel no deserto e assim aconteceu com a multidão, na época de Jesus. Os doze príncipes receberam a visão, mas dez não a mantiveram; perderam-na tão logo as dificuldades se apresentaram. Caleb, entretanto, expressa-se como um homem de visão e sua fala é modelo para aqueles que cultivam a visão que receberam: “Vamos e apoderemo-nos da terra, porque podemos conquistá-la!” (Nm 13, 30).

Josué e Caleb não só receberam a visão, mas a cultivaram durante quarenta anos. A dureza do deserto não os pôde vencer e os dois príncipes entraram em Canaã. Pode-se dizer que é fácil receber a visão, o desafiante é mantê-la, firmar o foco, perseguir a meta: “Consciente de não tê-la conquistado, só procuro isto: prescindindo do passado e atirando-me ao que resta para a frente, persigo o alvo...” (Fp 3, 13-14ª). Eis aí um outro homem com visão: Paulo!

Aplique esta reflexão à sua vida, você que é servo entre nós, paroquiano, homem e mulher de boa vontade, conquistados por Cristo Jesus. Examine sua vida de fé, a visão que Deus tem lhe dado. E se ela ainda não existe concretamente em seu coração, aprofunde sua espiritualidade na Palavra e ela virá. “Quem tiver ouvidos para ouvir, ouça...” (Ap 2, 11ª)

Saúde e Paz!
 

Twitter Facebook Orkut Messenger
Linked Yahoo Meme Google Buzz Delicious
mySpace Blogger Sonico Digg

Este recurso será liberado em breve. Aguardando validação do servidor.

dados do(a) autor(a)
Padre Sérgio
 
twitter.com/padresergioluiz
facebook.com/falecompadresergio
padresergio.com
Pe. Sérgio é sacerdote Redentorista. Atualmente pároco em Juíz de Fora na Igreja da Glória. Procura guiar o seu ministério levando as pessoas a experimentarem a...
12 últimas atualizações
Contato

Paróquia da Glória
Avenida dos Andradas, 855 - Morro da Glória
CEP: 36036-050 - Juiz de Fora (MG)
Telefone: (032) 3215-1831
Siga-me nas redes sociais

Dados Técnicos

Este web site utiliza as tecnologias como HTM5 e CSS3 e é compatível com os seguintes navegadores:
Sistema web desenvolvido por:
Copyright © 2012 Todos os direitos reservados.