topo
Mensagem
23/11/2016 22:38:54 - Atualizado em 23/11/2016 22:38:54
Será que você irá ler?
Neste mês em que celebramos o Dia Nacional de Ação de Graças, penso que o mais apropriado é falarmos do Dízimo como sinal de profunda Gratidão pelo que Deus é e faz por nós.

Neste mês em que celebramos o Dia Nacional de Ação de Graças, penso que o mais apropriado é falarmos do Dízimo como sinal de profunda Gratidão pelo que Deus é e faz por nós. Já destaquei isto em outras mensagens sobre o Dízimo, já falamos na igreja, já rezamos juntos e pode até ser que você nem chegue a ler estas palavras. Afinal, parece que o padre irá pedir dinheiro de novo...

Mas, sabe de uma coisa, seja em relação ao Dízimo ou em outros aspectos da vida, penso como Deus deve estar acostumado com nossa Ingratidão. Leia com atenção a seguinte passagem do Evangelho:

11 Sempre em caminho para Jerusalém, Jesus passava pelos confins da Samaria e da Galileia. 12 Ao entrar numa aldeia, vieram-lhe ao encontro dez leprosos, que pararam ao longe e elevaram a voz, clamando: 13 “Jesus, Mestre, tem compaixão de nós!”
14 Jesus viu-os e disse-lhes: “Ide, mostrai-vos ao sacerdote”.
E quando eles iam andando, ficaram curados.
15 Um deles, vendo-se curado, voltou, glorificando a Deus em alta voz.
16 Prostrou-se aos pés de Jesus e lhe agradecia. E era um samaritano.
17 Jesus lhe disse: “Não ficaram curados todos os dez? Onde estão os outros nove?
18 Não se achou senão este estrangeiro que voltasse para agradecer a Deus?!”
19 E acrescentou: “Levanta-te e vai, tua fé te salvou.”

Lucas 17, 11-19

A proporção é mais ou menos esta: para uma pessoa agradecida, dez ingratas. Dizer que Deus está acostumado com isso, pois é o que acontece, não significa dizer que seja correto e nem bom. Em que lado dessa história você está? Você é agradecido? Mas, lembre-se: ser agradecido não é uma questão de palavras e, sim, de atitudes.

É muito fácil justificar o contrário: eu já faço muita caridade, eu já ajudo muito a igreja, eu já colaboro com muita coisa... e, aí, o Dízimo – que é Mandamento Bíblico – não é seguido. Mas fica ainda uma outra pergunta: será preciso um mandamento? Acho que não é necessário haver uma lei para ser agradecido de verdade; só é preciso um coração grande.

Mas será que você irá ler essa meditação? Caso tenha lido, apenas peço que pense sobre o que falei. Está bom?

Deus abençoe os agradecidos!

Deus abençoe nossos dizimistas!

Pe. Sérgio Luiz e Silva, CSsR.
Pároco

Twitter Facebook Orkut Messenger
Linked Yahoo Meme Google Buzz Delicious
mySpace Blogger Sonico Digg

Este recurso será liberado em breve. Aguardando validação do servidor.

dados do(a) autor(a)
Padre Sérgio
 
twitter.com/padresergioluiz
facebook.com/falecompadresergio
padresergio.com
Pe. Sérgio é sacerdote Redentorista. Atualmente pároco em Juíz de Fora na Igreja da Glória. Procura guiar o seu ministério levando as pessoas a experimentarem a...
12 últimas atualizações
Contato

Paróquia da Glória
Avenida dos Andradas, 855 - Morro da Glória
CEP: 36036-050 - Juiz de Fora (MG)
Telefone: (032) 3215-1831
Siga-me nas redes sociais

Dados Técnicos

Este web site utiliza as tecnologias como HTM5 e CSS3 e é compatível com os seguintes navegadores:
Sistema web desenvolvido por:
Copyright © 2012 Todos os direitos reservados.